Imagem Reprodução/Web

0 0 Avaliações
Article Rating
Subscribe
Notify of
0 Comentários
Inline Feedbacks
Ver Todos

Uma loja de brinquedos no Botafogo Praia Shopping foi denunciada por ter feito uma suposta associação racista na organização da vitrine, ao colocar bonecas ao lado de brinquedos de macacos.

A denúncia foi feita por um professor, alegando que inserir o macaco ao lado de uma boneca negra sugeriria uma associação racista, ao passo que as duas bonecas brancas estariam do outro lado da ornamentação.

Segue o texto postado pelo professor no Instagram:

Passeando pelo @botafogopraiashopping me deparo com esse absurdo na loja @gamelandiabrinquedos. Parear uma criança preta com um macaco é cruel demais! Por meio desse símbolo, a criança negra internaliza sua posição como subalterna e crianças brancas são incentivadas a reproduzir o negro como um animal, um inferior

Afinal, terá sido mesmo racismo? O macaquinho está mesmo sendo equiparado à boneca negra? Olhe a imagem e tire suas próprias conclusões.

O Potengi

Portal de notícias e conteúdos do Rio Grande do Norte



Racismo? Shopping do Rio de Janeiro é denunciado por brinquedos na vitrine



Uma loja de brinquedos no Botafogo Praia Shopping foi denunciada por ter feito uma suposta associação racista na organização da vitrine, ao colocar bonecas ao lado de brinquedos de macacos.

A denúncia foi feita por um professor, alegando que inserir o macaco ao lado de uma boneca negra sugeriria uma associação racista, ao passo que as duas bonecas brancas estariam do outro lado da ornamentação.

Segue o texto postado pelo professor no Instagram:

Passeando pelo @botafogopraiashopping me deparo com esse absurdo na loja @gamelandiabrinquedos. Parear uma criança preta com um macaco é cruel demais! Por meio desse símbolo, a criança negra internaliza sua posição como subalterna e crianças brancas são incentivadas a reproduzir o negro como um animal, um inferior

Afinal, terá sido mesmo racismo? O macaquinho está mesmo sendo equiparado à boneca negra? Olhe a imagem e tire suas próprias conclusões.


0 0 Avaliações
Article Rating
Subscribe
Notify of
0 Comentários
Inline Feedbacks
Ver Todos