Imagem Reprodução/internet

0 0 Avaliações
Article Rating
Subscribe
Notify of
0 Comentários
Inline Feedbacks
Ver Todos

O Monitor do Debate Político da Escola de Artes, Ciências e Humanidades da Universidade de São Paulo, comandado pelos professores Pablo Ortellado e Márcio Moretto, estimou que o ato do ex-presidente Jair Bolsonaro (PL), ocorrido ontem, 21, em Copacabana, Rio de Janeiro, reuniu quase 33 mil pessoas, bem abaixo das 185 mil que se fizeram presentes na manifestação de fevereiro, na Avenida Paulista, em São Paulo.

O erro é pensar que a baixa adesão do ato de ontem mostra fraqueza do bolsonarismo. O ecossistema político-social bolsonarista continua muito ativo, dominando o debate nas redes sociais.

O que o bolsonarismo consegue fazer hoje é o mesmo que a esquerda fazia na década de 90, quando era oposição ao governo de Fernando Henrique Cardoso (1995-2003).

O petismo vem perdendo de lavada da direita nas mídias digitais. A esquerda visivelmente perdeu a capacidade de compreensão do Brasil, sendo pautada pela extrema-direita, que fala numa linguagem universal compreensível a diferentes classes da sociedade.

O Potengi

Portal de notícias e conteúdos do Rio Grande do Norte



Esquerda está trôpega nas redes sociais



O Monitor do Debate Político da Escola de Artes, Ciências e Humanidades da Universidade de São Paulo, comandado pelos professores Pablo Ortellado e Márcio Moretto, estimou que o ato do ex-presidente Jair Bolsonaro (PL), ocorrido ontem, 21, em Copacabana, Rio de Janeiro, reuniu quase 33 mil pessoas, bem abaixo das 185 mil que se fizeram presentes na manifestação de fevereiro, na Avenida Paulista, em São Paulo.

O erro é pensar que a baixa adesão do ato de ontem mostra fraqueza do bolsonarismo. O ecossistema político-social bolsonarista continua muito ativo, dominando o debate nas redes sociais.

O que o bolsonarismo consegue fazer hoje é o mesmo que a esquerda fazia na década de 90, quando era oposição ao governo de Fernando Henrique Cardoso (1995-2003).

O petismo vem perdendo de lavada da direita nas mídias digitais. A esquerda visivelmente perdeu a capacidade de compreensão do Brasil, sendo pautada pela extrema-direita, que fala numa linguagem universal compreensível a diferentes classes da sociedade.


0 0 Avaliações
Article Rating
Subscribe
Notify of
0 Comentários
Inline Feedbacks
Ver Todos