Aeroporto de Natal
Imagem Aeroporto de Natal

0 0 Avaliações
Article Rating
Subscribe
Notify of
0 Comentários
Inline Feedbacks
Ver Todos

Recentemente, a Agência Nacional de Aviação Civil (Anac) lançou um ranking destacando os aeroportos brasileiros com os serviços de menor qualidade. 

Os dados, referentes ao ano de 2023, posicionam o Aeroporto Aluízio Alves, que fica em São Gonçalo do Amarante, mas conhecido como Aeroporto de Natal, na terceira colocação. 

A avaliação abrange uma variedade de aspectos, incluindo o tempo de espera em filas, limpeza das instalações, eficiência na entrega de bagagens, qualidade dos restaurantes,  acesso à informação e aos terminais, entre outros.

Os operadores que não conseguem atingir o padrão estabelecido pela Anac podem enfrentar multas de acordo com as cláusulas contratuais. A Anac estabelece um índice máximo de qualidade de 2%, enquanto o mínimo é de -7,5%. 

Esses índices são determinados pelo chamado “Fator Q”, que também influencia nos ajustes tarifários.

Em 2023, todos os aeroportos apresentaram resultados positivos. O Aeroporto de Confins, em Minas Gerais, obteve o melhor desempenho, enquanto o Aeroporto de Guarulhos, em São Paulo, ficou com o pior resultado.

Veja a lista completa dos resultados:

Guarulhos (SP): 0,47%

Campinas (SP): 1,15%

Natal (RN): 1,46%

Recife (PE): 1,54%

Porto Alegre (RS): 1,60%

Brasília (DF): 1,75%

Florianópolis (SC): 1,80%

Fortaleza (CE): 1,80%

Salvador (BA): 1,80%

Galeão (RJ): 1,93%

Curitiba (PR): 1,97%

Belo Horizonte (MG): 1,99%

Fonte: Redação

Imagem: Internet

O Potengi

Portal de notícias e conteúdos do Rio Grande do Norte



Aeroporto de Natal é ranqueado como o 3º com piores serviços no Brasil



Aeroporto de Natal

Recentemente, a Agência Nacional de Aviação Civil (Anac) lançou um ranking destacando os aeroportos brasileiros com os serviços de menor qualidade. 

Os dados, referentes ao ano de 2023, posicionam o Aeroporto Aluízio Alves, que fica em São Gonçalo do Amarante, mas conhecido como Aeroporto de Natal, na terceira colocação. 

A avaliação abrange uma variedade de aspectos, incluindo o tempo de espera em filas, limpeza das instalações, eficiência na entrega de bagagens, qualidade dos restaurantes,  acesso à informação e aos terminais, entre outros.

Os operadores que não conseguem atingir o padrão estabelecido pela Anac podem enfrentar multas de acordo com as cláusulas contratuais. A Anac estabelece um índice máximo de qualidade de 2%, enquanto o mínimo é de -7,5%. 

Esses índices são determinados pelo chamado “Fator Q”, que também influencia nos ajustes tarifários.

Em 2023, todos os aeroportos apresentaram resultados positivos. O Aeroporto de Confins, em Minas Gerais, obteve o melhor desempenho, enquanto o Aeroporto de Guarulhos, em São Paulo, ficou com o pior resultado.

Veja a lista completa dos resultados:

Guarulhos (SP): 0,47%

Campinas (SP): 1,15%

Natal (RN): 1,46%

Recife (PE): 1,54%

Porto Alegre (RS): 1,60%

Brasília (DF): 1,75%

Florianópolis (SC): 1,80%

Fortaleza (CE): 1,80%

Salvador (BA): 1,80%

Galeão (RJ): 1,93%

Curitiba (PR): 1,97%

Belo Horizonte (MG): 1,99%

Fonte: Redação

Imagem: Internet


0 0 Avaliações
Article Rating
Subscribe
Notify of
0 Comentários
Inline Feedbacks
Ver Todos