A greve continua: piquete e aula pública no Campus Central do IFRN em Natal nesta quarta (29)



0 0 Avaliações
Article Rating
Subscribe
Notify of
1 Comentário
Anterior
Próximo Mais Votados
Inline Feedbacks
Ver Todos

Acho isso um desrespeito aos alunos que não estudam e serão prejudicado, depois irão cobrar notas e desempenho as pressas


Em continuidade às ações da greve dos servidores do Instituto Federal do Rio Grande do Norte (IFRN), um piquete será realizado amanhã no Campus Central de Natal.

A mobilização é parte das ações de intensificação da greve, após a proposta de aumento salarial feita pelo governo federal ser rejeitada.

Além do piquete, está programada uma aula pública intitulada “Do golpe de 2016 à greve de 2024: políticas neoliberais e revogação do Novo Ensino Médio”. Esta aula pretende discutir o impacto das políticas neoliberais adotadas desde o golpe de 2016 e as implicações dessas políticas na educação, culminando na atual greve e nas recentes mudanças no Novo Ensino Médio.

A greve, que ganhou força nos últimos dias, busca chamar a atenção das autoridades e da sociedade para a importância de atender às reivindicações dos servidores, que incluem melhores condições de trabalho, reajustes salariais e a defesa da educação pública de qualidade.

Agenda do dia

  • Horário: A partir das 8h
  • Local: Campus Central do IFRN, Natal
  • Evento: Piquete dos servidores em greve
  • Aula Pública: “Do golpe de 2016 à greve de 2024: políticas neoliberais e revogação do Novo Ensino Médio”

Os organizadores do movimento convidam todos os estudantes, servidores e a comunidade em geral a participar e apoiar as ações programadas. A presença de todos é fundamental para fortalecer a luta por direitos e melhorias na educação pública.

Para mais informações sobre a greve e as atividades programadas, acesse o site do IFRN ou entre em contato com o sindicato dos servidores.

Reitoria fechada

Hoje, por volta das seis horas da manhã, a Reitoria que fica no bairro Tirol, na capital potiguar, foi fechada.

De acordo com informações recebidas por nossa redação, amanhã o Campus Central será fechado.

Greve

A greve começou no dia 3 de abril, com uma reunião em frente ao Campus Central no bairro do Tirol, professores e funcionários técnico-administrativos dos Institutos IFRN e de outras instituições federais de ensino, totalizando mais de 600 unidades, aderiram à luta. Já a partir do dia 8 do mesmo mês o calendário acadêmico de aulas deste ano foi suspenso, aos poucos 22 campis do Rio Grande do Norte foram fechando as portas.




O Potengi

Portal de notícias e conteúdos do Rio Grande do Norte


A greve continua: piquete e aula pública no Campus Central do IFRN em Natal nesta quarta (29)





Em continuidade às ações da greve dos servidores do Instituto Federal do Rio Grande do Norte (IFRN), um piquete será realizado amanhã no Campus Central de Natal.

A mobilização é parte das ações de intensificação da greve, após a proposta de aumento salarial feita pelo governo federal ser rejeitada.

Além do piquete, está programada uma aula pública intitulada “Do golpe de 2016 à greve de 2024: políticas neoliberais e revogação do Novo Ensino Médio”. Esta aula pretende discutir o impacto das políticas neoliberais adotadas desde o golpe de 2016 e as implicações dessas políticas na educação, culminando na atual greve e nas recentes mudanças no Novo Ensino Médio.

A greve, que ganhou força nos últimos dias, busca chamar a atenção das autoridades e da sociedade para a importância de atender às reivindicações dos servidores, que incluem melhores condições de trabalho, reajustes salariais e a defesa da educação pública de qualidade.

Agenda do dia

  • Horário: A partir das 8h
  • Local: Campus Central do IFRN, Natal
  • Evento: Piquete dos servidores em greve
  • Aula Pública: “Do golpe de 2016 à greve de 2024: políticas neoliberais e revogação do Novo Ensino Médio”

Os organizadores do movimento convidam todos os estudantes, servidores e a comunidade em geral a participar e apoiar as ações programadas. A presença de todos é fundamental para fortalecer a luta por direitos e melhorias na educação pública.

Para mais informações sobre a greve e as atividades programadas, acesse o site do IFRN ou entre em contato com o sindicato dos servidores.

Reitoria fechada

Hoje, por volta das seis horas da manhã, a Reitoria que fica no bairro Tirol, na capital potiguar, foi fechada.

De acordo com informações recebidas por nossa redação, amanhã o Campus Central será fechado.

Greve

A greve começou no dia 3 de abril, com uma reunião em frente ao Campus Central no bairro do Tirol, professores e funcionários técnico-administrativos dos Institutos IFRN e de outras instituições federais de ensino, totalizando mais de 600 unidades, aderiram à luta. Já a partir do dia 8 do mesmo mês o calendário acadêmico de aulas deste ano foi suspenso, aos poucos 22 campis do Rio Grande do Norte foram fechando as portas.


0 0 Avaliações
Article Rating
Subscribe
Notify of
1 Comentário
Anterior
Próximo Mais Votados
Inline Feedbacks
Ver Todos

Acho isso um desrespeito aos alunos que não estudam e serão prejudicado, depois irão cobrar notas e desempenho as pressas