Imagem Reprodução/internet

0 0 Avaliações
Article Rating
Subscribe
Notify of
0 Comentários
Inline Feedbacks
Ver Todos

O Palácio da Resistência, sede da Prefeitura, prepara um grande evento para recepcionar os 14 vereadores governistas no União Brasil (UB). A previsão é de que o ato ocorrerá na próxima sexta, 22. Comenta-se que além dos edis, nomes de alguns segmentos da cidade também irão assinar ficha de filiação.

A filiação em massa da bancada foi imposição do prefeito Allyson Bezerra (UB), que não gerou consenso nos edis, mas como está difícil vereador com mandato se alocar em outros partidos, foi o jeito os vereadores aceitarem o querer do alcaide.

Os nomes sem mandato que estarão no UB servirão de esteira na tentativa da legenda aumentar o máximo possível sua votação. Ninguém em Mossoró que quer, realmente, ser eleito assinaria uma ficha no UB, afinal de contas, a sigla é o chapão do salve-se quem puder.

Ressabiados e sem saída, os vereadores irão disputar uma reeleição em que muitos ficarão à margem, poucos retornarão para à Câmara Municipal, que deve, mais uma vez, passar por grande renovação em seus quadros.

O Potengi

Portal de notícias e conteúdos do Rio Grande do Norte



União Brasil de Mossoró prepara megaevento de filiação



O Palácio da Resistência, sede da Prefeitura, prepara um grande evento para recepcionar os 14 vereadores governistas no União Brasil (UB). A previsão é de que o ato ocorrerá na próxima sexta, 22. Comenta-se que além dos edis, nomes de alguns segmentos da cidade também irão assinar ficha de filiação.

A filiação em massa da bancada foi imposição do prefeito Allyson Bezerra (UB), que não gerou consenso nos edis, mas como está difícil vereador com mandato se alocar em outros partidos, foi o jeito os vereadores aceitarem o querer do alcaide.

Os nomes sem mandato que estarão no UB servirão de esteira na tentativa da legenda aumentar o máximo possível sua votação. Ninguém em Mossoró que quer, realmente, ser eleito assinaria uma ficha no UB, afinal de contas, a sigla é o chapão do salve-se quem puder.

Ressabiados e sem saída, os vereadores irão disputar uma reeleição em que muitos ficarão à margem, poucos retornarão para à Câmara Municipal, que deve, mais uma vez, passar por grande renovação em seus quadros.


0 0 Avaliações
Article Rating
Subscribe
Notify of
0 Comentários
Inline Feedbacks
Ver Todos