Servidores do DETRAN vão parar na próxima semana

Paralisação Categoria aprovou em assembleia uma paralisação de 22 a 24 de novembro


|


Imagem Reprodução/SINAI





A assembleia do sindicato que integra os servidores do DETRAN (SINAI) determinou, nesta quarta-feira (14), uma paralisação das atividades nos próximos dias 22 a 24 de novembro, próxima semana. A categoria cobra o governo de Fátima Bezerra, que até agora não atendeu nenhuma de suas reivindicações.

A pauta apresentada ao governo em março exige reposição salarial, realização de concurso público, atualização do plano de carreira, auxílio alimentação e outras reivindicações. Além disso, o SINAI entregou ao próprio diretor do DETRAN, em outubro, um relatório preliminar em que aponta as más condições de trabalho na autarquia.

Adoecimento de servidores do DETRAN é preocupante

Contendo mais de 10 itens, o relatório menciona desde as frequentes quedas no sistema utilizado pelo DETRAN, que prejudicam o atendimento ao público, ao adoecimento crescente de servidores, seja por problemas físicos (lombalgia, hérnia de disco, etc.) ou psicológicos (síndrome de Burnout, pânico, transtornos de ansiedade, entre outros). Só no dia 17 de outubro, três pessoas precisaram se ausentar por motivo de doença.

A situação no DETRAN está delicada. Até o momento, o governo não se pronunciou. Os trabalhadores do órgão deverão participar do Ato Público Unificado, reunindo outras categorias de servidores da Administração Indireta, e farão uma caminhada no próximo dia 22/11, em Natal, do Midway à Governadoria. O protesto está marcado para as 9 da manhã.

Compartilhe:


0 0 votes
Article Rating
Subscribe
Notify of
guest
0 Comentários
Inline Feedbacks
View all comments



Servidores do DETRAN vão parar na próxima semana


Imagem Reprodução/SINAI

Paralisação Categoria aprovou em assembleia uma paralisação de 22 a 24 de novembro


A assembleia do sindicato que integra os servidores do DETRAN (SINAI) determinou, nesta quarta-feira (14), uma paralisação das atividades nos próximos dias 22 a 24 de novembro, próxima semana. A categoria cobra o governo de Fátima Bezerra, que até agora não atendeu nenhuma de suas reivindicações.

A pauta apresentada ao governo em março exige reposição salarial, realização de concurso público, atualização do plano de carreira, auxílio alimentação e outras reivindicações. Além disso, o SINAI entregou ao próprio diretor do DETRAN, em outubro, um relatório preliminar em que aponta as más condições de trabalho na autarquia.

Adoecimento de servidores do DETRAN é preocupante

Contendo mais de 10 itens, o relatório menciona desde as frequentes quedas no sistema utilizado pelo DETRAN, que prejudicam o atendimento ao público, ao adoecimento crescente de servidores, seja por problemas físicos (lombalgia, hérnia de disco, etc.) ou psicológicos (síndrome de Burnout, pânico, transtornos de ansiedade, entre outros). Só no dia 17 de outubro, três pessoas precisaram se ausentar por motivo de doença.

A situação no DETRAN está delicada. Até o momento, o governo não se pronunciou. Os trabalhadores do órgão deverão participar do Ato Público Unificado, reunindo outras categorias de servidores da Administração Indireta, e farão uma caminhada no próximo dia 22/11, em Natal, do Midway à Governadoria. O protesto está marcado para as 9 da manhã.

Compartilhe:


0 0 votes
Article Rating
Subscribe
Notify of
guest
0 Comentários
Inline Feedbacks
View all comments