Inmet emite alerta de chuvas para 36 cidades do Rio Grande do Norte



0 0 Avaliações
Article Rating
Subscribe
Notify of
0 Comentários
Inline Feedbacks
Ver Todos

Imagem Imagem representado as áreas de alerta Foto: Reprodução

O Instituto Nacional de Meteorologia (Inmet) emitiu um alerta de acumulado de chuvas para 36 cidades do Rio Grande do Norte, incluindo a capital, Natal. O aviso é válido até as 10h desta quarta-feira (12).

Níveis de Alerta

O alerta do Inmet é da cor amarela, indicando perigo potencial, o nível mais baixo na escala de severidade do órgão. Os níveis acima são laranja (perigo) e vermelho (grande perigo).

Previsão e Riscos

De acordo com o Inmet, o alerta amarelo prevê chuvas entre 20 a 30 mm por hora ou de até 50 mm por dia. Nesse cenário, há baixo risco de alagamentos ou pequenos deslizamentos em áreas suscetíveis.

Recomendações

O órgão recomenda:

  • Evitar enfrentar o mau tempo.
  • Observar alterações nas encostas.
  • Evitar usar aparelhos eletrônicos ligados à tomada.
  • Em caso de necessidade, acionar a Defesa Civil (telefone 199) ou o Corpo de Bombeiros (telefone 193).

Cidades Atingidas

As cidades incluídas no alerta são:

  • Arês
  • Baía Formosa
  • Brejinho
  • Canguaretama
  • Ceará-Mirim
  • Espírito Santo
  • Extremoz
  • Goianinha
  • Ielmo Marinho
  • Jundiá
  • Lagoa de Pedras
  • Lagoa Salgada
  • Macaíba
  • Maxaranguape
  • Montanhas
  • Monte Alegre
  • Natal
  • Nísia Floresta
  • Nova Cruz
  • Parnamirim
  • Passagem
  • Pedro Velho
  • Pureza
  • Rio do Fogo
  • Santo Antônio
  • São Gonçalo do Amarante
  • São José de Mipibu
  • São Miguel do Gostoso
  • São Pedro
  • Senador Georgino Avelino
  • Taipu
  • Tibau do Sul
  • Touros
  • Várzea
  • Vera Cruz
  • Vila Flor

Importância do Alerta

O alerta serve para preparar a população e as autoridades para possíveis impactos das chuvas, embora o risco de grandes desastres seja baixo. A antecipação e a precaução podem minimizar danos e garantir a segurança da comunidade.

Para mais informações e atualizações, acesse o site do Inmet ou entre em contato com os serviços de emergência.

4o






O Potengi

Portal de notícias e conteúdos do Rio Grande do Norte


Inmet emite alerta de chuvas para 36 cidades do Rio Grande do Norte



Imagem Imagem representado as áreas de alerta Foto: Reprodução


O Instituto Nacional de Meteorologia (Inmet) emitiu um alerta de acumulado de chuvas para 36 cidades do Rio Grande do Norte, incluindo a capital, Natal. O aviso é válido até as 10h desta quarta-feira (12).

Níveis de Alerta

O alerta do Inmet é da cor amarela, indicando perigo potencial, o nível mais baixo na escala de severidade do órgão. Os níveis acima são laranja (perigo) e vermelho (grande perigo).

Previsão e Riscos

De acordo com o Inmet, o alerta amarelo prevê chuvas entre 20 a 30 mm por hora ou de até 50 mm por dia. Nesse cenário, há baixo risco de alagamentos ou pequenos deslizamentos em áreas suscetíveis.

Recomendações

O órgão recomenda:

  • Evitar enfrentar o mau tempo.
  • Observar alterações nas encostas.
  • Evitar usar aparelhos eletrônicos ligados à tomada.
  • Em caso de necessidade, acionar a Defesa Civil (telefone 199) ou o Corpo de Bombeiros (telefone 193).

Cidades Atingidas

As cidades incluídas no alerta são:

  • Arês
  • Baía Formosa
  • Brejinho
  • Canguaretama
  • Ceará-Mirim
  • Espírito Santo
  • Extremoz
  • Goianinha
  • Ielmo Marinho
  • Jundiá
  • Lagoa de Pedras
  • Lagoa Salgada
  • Macaíba
  • Maxaranguape
  • Montanhas
  • Monte Alegre
  • Natal
  • Nísia Floresta
  • Nova Cruz
  • Parnamirim
  • Passagem
  • Pedro Velho
  • Pureza
  • Rio do Fogo
  • Santo Antônio
  • São Gonçalo do Amarante
  • São José de Mipibu
  • São Miguel do Gostoso
  • São Pedro
  • Senador Georgino Avelino
  • Taipu
  • Tibau do Sul
  • Touros
  • Várzea
  • Vera Cruz
  • Vila Flor

Importância do Alerta

O alerta serve para preparar a população e as autoridades para possíveis impactos das chuvas, embora o risco de grandes desastres seja baixo. A antecipação e a precaução podem minimizar danos e garantir a segurança da comunidade.

Para mais informações e atualizações, acesse o site do Inmet ou entre em contato com os serviços de emergência.

4o


0 0 Avaliações
Article Rating
Subscribe
Notify of
0 Comentários
Inline Feedbacks
Ver Todos