Imagem Foto: Reprodução

0 0 Avaliações
Article Rating
Subscribe
Notify of
0 Comentários
Inline Feedbacks
Ver Todos

A situação de Felipe Matheus, um adolescente caicoense de 17 anos, é desesperadora. Desde o dia 6 de abril, uma decisão judicial determina que ele seja submetido a uma cirurgia cardíaca de extrema urgência para implante percutâneo de válvula pulmonar. Contudo, mesmo com a ordem judicial, a família ainda não conseguiu que o procedimento fosse realizado. O valor estimado da intervenção é de R$ 394 mil.

“Estamos aguardando a liberação por parte do estado para que o Hospital Rio Grande, em Natal, realize o procedimento cirúrgico cardíaco que é de urgência”, desabafou o pai do jovem, evidenciando a angústia vivida pela família.

A lentidão e a falta de resposta do governo colocam a vida de Felipe em risco. Sua prima foi às redes sociais denunciar o descaso: “Já faz mais de 20 dias que ele está internado aguardando essa cirurgia, na qual a Justiça já concedeu a cirurgia. Está dependendo da governadora, que não está nem aí autorizar a cirurgia do menino”.

A repercussão vem ganhando força, com muitos internautas exigindo ação imediata por parte do governo para garantir o direito, não só à saúde, mas à vida do adolescente.

Em respaldo à mobilização nas redes sociais, o deputado estadual Adjuto Dias cobrou do governo do RN o cumprimento da decisão judicial. O parlamentar enfatizou a urgência da situação, destacando que a saúde estadual é precária: “Não é novidade as dificuldades pelas quais passam a saúde pública no Rio Grande do Norte. Mas o que nos preocupa hoje é a notícia, e essa não é a primeira, de que o governo do estado muitas vezes descumpre até decisões judiciais ou demora demais a cumpri-las. E questões de saúde são prementes e urgentes”, afirmou o deputado.

Adjuto expressou sua preocupação com a vida do jovem Matheus, destacando a importância de a imprensa local acompanhar o caso, ressaltando que o adolescente está lutando pela vida ao recorrer à justiça para garantir o procedimento cirúrgico necessário.

Alunos da Escola Estadual Antônio Aladim, em Caicó, também se mobilizaram, gravando um vídeo em forma de protesto para cobrar do governo a realização da cirurgia. Eles enfatizaram o risco de morte do colega, caso o procedimento não seja realizado com urgência.

Diante do descaso do Estado, a vida de Felipe Matheus continua em perigo, enquanto sua família e a comunidade lutam incansavelmente por uma solução que garanta sua sobrevivência.

O Potengi

Portal de notícias e conteúdos do Rio Grande do Norte



Desespero e desamparo: família de Matheus clama por recursos retidos pelo governo do estado



A situação de Felipe Matheus, um adolescente caicoense de 17 anos, é desesperadora. Desde o dia 6 de abril, uma decisão judicial determina que ele seja submetido a uma cirurgia cardíaca de extrema urgência para implante percutâneo de válvula pulmonar. Contudo, mesmo com a ordem judicial, a família ainda não conseguiu que o procedimento fosse realizado. O valor estimado da intervenção é de R$ 394 mil.

“Estamos aguardando a liberação por parte do estado para que o Hospital Rio Grande, em Natal, realize o procedimento cirúrgico cardíaco que é de urgência”, desabafou o pai do jovem, evidenciando a angústia vivida pela família.

A lentidão e a falta de resposta do governo colocam a vida de Felipe em risco. Sua prima foi às redes sociais denunciar o descaso: “Já faz mais de 20 dias que ele está internado aguardando essa cirurgia, na qual a Justiça já concedeu a cirurgia. Está dependendo da governadora, que não está nem aí autorizar a cirurgia do menino”.

A repercussão vem ganhando força, com muitos internautas exigindo ação imediata por parte do governo para garantir o direito, não só à saúde, mas à vida do adolescente.

Em respaldo à mobilização nas redes sociais, o deputado estadual Adjuto Dias cobrou do governo do RN o cumprimento da decisão judicial. O parlamentar enfatizou a urgência da situação, destacando que a saúde estadual é precária: “Não é novidade as dificuldades pelas quais passam a saúde pública no Rio Grande do Norte. Mas o que nos preocupa hoje é a notícia, e essa não é a primeira, de que o governo do estado muitas vezes descumpre até decisões judiciais ou demora demais a cumpri-las. E questões de saúde são prementes e urgentes”, afirmou o deputado.

Adjuto expressou sua preocupação com a vida do jovem Matheus, destacando a importância de a imprensa local acompanhar o caso, ressaltando que o adolescente está lutando pela vida ao recorrer à justiça para garantir o procedimento cirúrgico necessário.

Alunos da Escola Estadual Antônio Aladim, em Caicó, também se mobilizaram, gravando um vídeo em forma de protesto para cobrar do governo a realização da cirurgia. Eles enfatizaram o risco de morte do colega, caso o procedimento não seja realizado com urgência.

Diante do descaso do Estado, a vida de Felipe Matheus continua em perigo, enquanto sua família e a comunidade lutam incansavelmente por uma solução que garanta sua sobrevivência.


0 0 Avaliações
Article Rating
Subscribe
Notify of
0 Comentários
Inline Feedbacks
Ver Todos