TRISTE REALIDADE: SANTA CRUZ CAI PARA ÚLTIMA COLOCADA NO RANKING DE SAÚDE DAS CIDADES DA V REGIONAL.



0 0 Avaliações
Article Rating
Subscribe
Notify of
0 Comentários
Inline Feedbacks
Ver Todos

 


Foi divulgado pelo Ministério da Saúde o ranking que mede a aplicação de recursos da saúde na Atenção Básica, em todos os municípios do Brasil.

O ISF (Indicador Sintético Final) corresponde ao cálculo do desempenho do conjunto dos sete indicadores selecionados. Esse indicador é aferido a cada 4 (quatro) meses com repercussão financeira para os 4 meses subsequentes.

Os sete indicadores, são: Mortalidade / sobrevivência • Morbidade / gravidade / incapacidade • Nutrição / crescimento e desenvolvimento • Aspectos demográficos • Condições socioeconômicas • Saúde ambiental • Serviços de saúde.

Os cidadãos da cidade de Santa Cruz, maior município da V Regional de Saúde, não têm o que comemorar. Das 21 cidades da V Regional, Santa Cruz caiu para a última colocação.

Os dados de Santa Cruz refletem a má administração em saúde pública do grupo que governa a cidade há 22 anos. Mostra uma situação caótica que, ano após anos vem afetando seriamente a saúde do cidadão e da cidadã do município que precisa do sistema de saúde.

Você, leitor, sobretudo de Santa Cruz! Abaixo, veja o Ranking e tire suas conclusões.


Compartilhe:

TRISTE REALIDADE: SANTA CRUZ CAI PARA ÚLTIMA COLOCADA NO RANKING DE SAÚDE DAS CIDADES DA V REGIONAL.



 


Foi divulgado pelo Ministério da Saúde o ranking que mede a aplicação de recursos da saúde na Atenção Básica, em todos os municípios do Brasil.

O ISF (Indicador Sintético Final) corresponde ao cálculo do desempenho do conjunto dos sete indicadores selecionados. Esse indicador é aferido a cada 4 (quatro) meses com repercussão financeira para os 4 meses subsequentes.

Os sete indicadores, são: Mortalidade / sobrevivência • Morbidade / gravidade / incapacidade • Nutrição / crescimento e desenvolvimento • Aspectos demográficos • Condições socioeconômicas • Saúde ambiental • Serviços de saúde.

Os cidadãos da cidade de Santa Cruz, maior município da V Regional de Saúde, não têm o que comemorar. Das 21 cidades da V Regional, Santa Cruz caiu para a última colocação.

Os dados de Santa Cruz refletem a má administração em saúde pública do grupo que governa a cidade há 22 anos. Mostra uma situação caótica que, ano após anos vem afetando seriamente a saúde do cidadão e da cidadã do município que precisa do sistema de saúde.

Você, leitor, sobretudo de Santa Cruz! Abaixo, veja o Ranking e tire suas conclusões.


Compartilhe:

0 0 Avaliações
Article Rating
Subscribe
Notify of
0 Comentários
Inline Feedbacks
Ver Todos