PLENÁRIO DA CONFERÊNCIA ESTADUAL DE SAÚDE APROVA MOÇÃO DE RECOMENDAÇÃO, PARA QUE A PREFEITURA DE SANTA CRUZ ABRA A UPA.

|

|







Através do pedido dos delegados Marcos Silva, Mirian Estevam e Lucicláudio Bezerra, o plenário da Conferência Estadual de Saúde que ocorreu em Natal, de terça (11) a quinta (13) aprovou MOÇÃO DE RECOMENDAÇÃO a ser enviada a Prefeitura Municipal de Santa Cruz sobre o caso UPA. A CONFERÊNCIA reuniu delegados representando USUÁRIOS, TRABALHADORES E GESTORES de todas as cidades do Rio Grande do Norte, contabilizando uma plenária de cerca de 1.000,00 (Mil) participantes.

Segundo Marcos Silva, um dos autores, a Moção teve dois objetivos práticos: um, pedir a REVISÃO da decisão do prefeito em não abrir a UPA, transformando o prédio numa Unidade Básica de Saúde, o outro objetivo era chamar atenção de todo o Estado, para essa problemática. A Moção foi aprovada praticamente por unanimidade, o que mostra repulsa dos conferencistas ao ato da prefeitura de Santa Cruz. 

Vale salientar que, na Conferência Municipal de Saúde de Santa Cruz ocorrida no mês de março, os conferencistas aprovaram uma MOÇÃO DE REPÚDIO a decisão do Executivo Municipal. 

Observa-se que, poucos desbravadores, lutadores e ativistas sociais, desde que tomaram conhecimento da decisão da prefeitura de Santa Cruz de NÃO abrir mais a UPA, transformando o prédio que custou milhões, para funcionar com serviço de urgência e emergência, em uma unidade básica de saúde vêm chamando atenção da população para este triste fato. Sobre essa questão Marcos Silva dispara: infelizmente, verifica-se que, a população anda meio alheia a tudo isso, não percebendo ou não enxergando a gravidade da decisão, porém, a conta de não termos um serviço de urgência e emergência já se vem pagando há muito tempo. Santa-cruzenses têm morrido por falta desse serviço a caminho de Natal.


Abaixo, veja o texto da MOÇÃO aprovada: 

MOÇÃO DE RECOMENDAÇÃO. 

Nós, conferencistas, reunidos em Natal/RN, nos dia 11, 12 e 13 de junho de 2019, na 9º Conferência Estadual de Saúde, RECOMENDAMOS através desta que, o Município de Santa Cruz/RN, REVEJA a posição de utilização da estrutura física da UPA, como Unidade Básica de Saúde, deixando assim, a população do Trairi e Potengi sem um serviço para consolidar a rede de Urgência e Emergência da região. 

Entendemos que, se não for revista tal medida pela gestão municipal, ensejará na continuidade da desassistência do serviço de Urgência e Emergência que a população tanto almeja. 

Vale salientar que, por ter sido a UPA, de caráter REGIONAL para que a mesma pudesse ser instalada no Município de Santa Cruz/RN, a referida MOÇÃO encontra-se respaldada no Art. 31 do Regimento da presente conferência. 

Exposto os devidos argumentos, pedimos pela aprovação. 

DO BLOG 

Parabéns aos delegados que continuam a defender os interesses da população.

Compartilhe:


0 0 votes
Article Rating
Subscribe
Notify of
guest
0 Comentários
Inline Feedbacks
View all comments



PLENÁRIO DA CONFERÊNCIA ESTADUAL DE SAÚDE APROVA MOÇÃO DE RECOMENDAÇÃO, PARA QUE A PREFEITURA DE SANTA CRUZ ABRA A UPA.



Através do pedido dos delegados Marcos Silva, Mirian Estevam e Lucicláudio Bezerra, o plenário da Conferência Estadual de Saúde que ocorreu em Natal, de terça (11) a quinta (13) aprovou MOÇÃO DE RECOMENDAÇÃO a ser enviada a Prefeitura Municipal de Santa Cruz sobre o caso UPA. A CONFERÊNCIA reuniu delegados representando USUÁRIOS, TRABALHADORES E GESTORES…


Através do pedido dos delegados Marcos Silva, Mirian Estevam e Lucicláudio Bezerra, o plenário da Conferência Estadual de Saúde que ocorreu em Natal, de terça (11) a quinta (13) aprovou MOÇÃO DE RECOMENDAÇÃO a ser enviada a Prefeitura Municipal de Santa Cruz sobre o caso UPA. A CONFERÊNCIA reuniu delegados representando USUÁRIOS, TRABALHADORES E GESTORES de todas as cidades do Rio Grande do Norte, contabilizando uma plenária de cerca de 1.000,00 (Mil) participantes.

Segundo Marcos Silva, um dos autores, a Moção teve dois objetivos práticos: um, pedir a REVISÃO da decisão do prefeito em não abrir a UPA, transformando o prédio numa Unidade Básica de Saúde, o outro objetivo era chamar atenção de todo o Estado, para essa problemática. A Moção foi aprovada praticamente por unanimidade, o que mostra repulsa dos conferencistas ao ato da prefeitura de Santa Cruz. 

Vale salientar que, na Conferência Municipal de Saúde de Santa Cruz ocorrida no mês de março, os conferencistas aprovaram uma MOÇÃO DE REPÚDIO a decisão do Executivo Municipal. 

Observa-se que, poucos desbravadores, lutadores e ativistas sociais, desde que tomaram conhecimento da decisão da prefeitura de Santa Cruz de NÃO abrir mais a UPA, transformando o prédio que custou milhões, para funcionar com serviço de urgência e emergência, em uma unidade básica de saúde vêm chamando atenção da população para este triste fato. Sobre essa questão Marcos Silva dispara: infelizmente, verifica-se que, a população anda meio alheia a tudo isso, não percebendo ou não enxergando a gravidade da decisão, porém, a conta de não termos um serviço de urgência e emergência já se vem pagando há muito tempo. Santa-cruzenses têm morrido por falta desse serviço a caminho de Natal.


Abaixo, veja o texto da MOÇÃO aprovada: 

MOÇÃO DE RECOMENDAÇÃO. 

Nós, conferencistas, reunidos em Natal/RN, nos dia 11, 12 e 13 de junho de 2019, na 9º Conferência Estadual de Saúde, RECOMENDAMOS através desta que, o Município de Santa Cruz/RN, REVEJA a posição de utilização da estrutura física da UPA, como Unidade Básica de Saúde, deixando assim, a população do Trairi e Potengi sem um serviço para consolidar a rede de Urgência e Emergência da região. 

Entendemos que, se não for revista tal medida pela gestão municipal, ensejará na continuidade da desassistência do serviço de Urgência e Emergência que a população tanto almeja. 

Vale salientar que, por ter sido a UPA, de caráter REGIONAL para que a mesma pudesse ser instalada no Município de Santa Cruz/RN, a referida MOÇÃO encontra-se respaldada no Art. 31 do Regimento da presente conferência. 

Exposto os devidos argumentos, pedimos pela aprovação. 

DO BLOG 

Parabéns aos delegados que continuam a defender os interesses da população.

Compartilhe:


0 0 votes
Article Rating
Subscribe
Notify of
guest
0 Comentários
Inline Feedbacks
View all comments