Greve dos Correios é cancelada após novo acordo salarial entre empresa e funcionários

Ganhos salariais Acordo cancela paralisação prevista para véspera da Black Friday e garante reajuste de R$ 250 para a categoria e vale-alimentação extra em dezembro, no valor de R$ 1.500.


|


Imagem Fernando Frazão/EBC





Os sindicatos dos trabalhadores dos Correios de Bauru (SP) e dos Estados do Maranhão e Rio de Janeiro decidiram cancelar a greve que estava programada para iniciar a partir da meia-noite desta quinta-feira (23), véspera da Black Friday. A decisão veio após a aprovação, ontem, da proposta apresentada pelos Correios pelos sindicatos, representados pela Findect (Federação Interestadual dos Sindicatos dos Trabalhadores e Trabalhadoras dos Correios).

A greve estava sendo planejada como resposta à recusa da empresa em resolver questões relacionadas à assinatura de acordo coletivo. A Findect, em nota, afirmou que a empresa cedeu em 12 das 26 demandas apresentadas pelos sindicalistas.

O novo acordo inclui um reajuste salarial de R$ 250 em 2024 para os empregados que recebem remuneração de até R$ 7.000, além de um vale alimentação extra de R$ 1.500 a ser concedido em dezembro de 2023, entre outras alterações.

Compartilhe:


0 0 votes
Article Rating
Subscribe
Notify of
guest
0 Comentários
Inline Feedbacks
View all comments



Greve dos Correios é cancelada após novo acordo salarial entre empresa e funcionários


Imagem Fernando Frazão/EBC

Ganhos salariais Acordo cancela paralisação prevista para véspera da Black Friday e garante reajuste de R$ 250 para a categoria e vale-alimentação extra em dezembro, no valor de R$ 1.500.


Os sindicatos dos trabalhadores dos Correios de Bauru (SP) e dos Estados do Maranhão e Rio de Janeiro decidiram cancelar a greve que estava programada para iniciar a partir da meia-noite desta quinta-feira (23), véspera da Black Friday. A decisão veio após a aprovação, ontem, da proposta apresentada pelos Correios pelos sindicatos, representados pela Findect (Federação Interestadual dos Sindicatos dos Trabalhadores e Trabalhadoras dos Correios).

A greve estava sendo planejada como resposta à recusa da empresa em resolver questões relacionadas à assinatura de acordo coletivo. A Findect, em nota, afirmou que a empresa cedeu em 12 das 26 demandas apresentadas pelos sindicalistas.

O novo acordo inclui um reajuste salarial de R$ 250 em 2024 para os empregados que recebem remuneração de até R$ 7.000, além de um vale alimentação extra de R$ 1.500 a ser concedido em dezembro de 2023, entre outras alterações.

Compartilhe:


0 0 votes
Article Rating
Subscribe
Notify of
guest
0 Comentários
Inline Feedbacks
View all comments